RECICLAGEM E ARTE AMBIENTAL: OFICINA MOBILIZA MAIS DE 250 ESTUDANTES DE SERRITA (PE) ūüé≠

No Brasil, desde 1981 a primeira¬†semana¬†de junho foi institu√≠da como a¬†Semana¬†Nacional do¬†Meio Ambiente, que tem como¬†objetivo¬†promover a participa√ß√£o da comunidade na preserva√ß√£o do patrim√īnio natural do Brasil. O Programa Escola Verde (PEV) nos √ļltimos anos vem colaborando diretamente com diversas a√ß√Ķes tanto na comunidade externa, como tamb√©m, nas institui√ß√Ķes de ensino afim de fomentar a sensibiliza√ß√£o social sobre os cuidados com o meio ambiente.

A Escola Municipal Francisco Filgueira Sampaio localizada no munic√≠pio de Serrita – PE foi uma das beneficiadas pelas atividades do PEV, que realizou no dia 14 de junho de 2022, com as turmas da manh√£ e da tarde do 9¬ļ ano, uma oficina de confec√ß√£o de mamulengo reutilizando garrafinhas PET (tipo “pitchulinha”), retalhos, enfeites diversos oriundos de roupas rasgadas e restos de papel colorido.

O mamulengo √© um tipo de fantoche t√≠pico do nordeste brasileiro, especialmente do estado de Pernambuco. A origem do nome √© controversa, mas acredita-se que ela se originou de m√£o molenga – m√£o mole, ideal para dar movimentos vivos ao fantoche. Um ou mais manipuladores d√£o voz e movimento aos bonecos. A√ß√Ķes com teatro de fantoches s√£o eventos recorrentes no PEV, principalmente no ensino l√ļdico da educa√ß√£o ambiental para crian√ßas.

Al√©m do PEV na contribui√ß√£o direta da a√ß√£o, tivemos a colabora√ß√£o da equipe do projeto de extens√£o do IFSert√£oPE, campus Salgueiro, ‚ÄúNavegando nas Redes Digitais e Sociais da Educa√ß√£o Ambiental‚ÄĚ. Estiveram presentes coordenando a a√ß√£o a professora Hort√™ncia Lima e os estudantes Hugo e Andrielly, que contaram com o apoio dos servidores Concei√ß√£o Ribeiro e Fabio Marins. A atividade impactou mais de 250 alunos distribu√≠dos em sete turmas do 9¬ļ ano da institui√ß√£o.

A professora Hort√™ncia Lima ressaltou a satisfa√ß√£o na participa√ß√£o de todos no evento: ‚ÄúAs oficinas foram oferecidas para garantir a propaga√ß√£o de sentimento para o cuidado com meio ambiente, com muita dedica√ß√£o e carinho dos profissionais envolvidos que dispuseram de seu tempo para nos apoiar nesse despertar ecol√≥gico.‚ÄĚ

Por Douglas Alencar
Categorias: Arte Ambiental, Reciclagem